segunda-feira, 26 de julho de 2010

O BRASIL CELEBRA OS 80 ANOS DE PLÍNIO. FEIZ ANIVERSÁRIO PRESIDENTE

Hoje o Brasil celebra os 80 anos de Plínio de Arruda Sampaio, esse brasileiro que brinda os mais novos com sua juventude de pensamento. Candidato a Presidente da República pelo PSOL, sua história define bem o que é acreditar em transformação social. Diferente dos outros candidatos. Plínio define três eixos como prioridade de seu possível governo: Reforma Agrária, Saúde e Educação.

Esse jovem que completa hoje 26 de julho de 2010 80 Anos, Ligado à Igreja Católica, iniciou na política através da Juventude Universitária Católica, organização surgida a partir da Ação Católica Brasileira. Em 1959, foi subchefe da Casa Civil de Carvalho Pinto, Governador do Estado. Coordenou o Plano de Ação, um amplo programa de planejamento e de intervenção integrada de todas as esferas do Estado no desenvolvimento. Ainda nos anos 1950, entrou para o Partido Democrata Cristão (PDC), Eleito deputado federal em 1962, relator do plano de reforma agrária do governo João Goulart (1962-1964). Cassado pelo golpe militar de 1964, juntamente com Luiz Carlos Prestes, João Goulart, Leonel Brizola, Miguel Arraes, Darcy Ribeiro, Celso Furtado e outros. Exilado trabalhou na FAO (órgão da ONU que trata das questões relativas à agricultura e à alimentação), em Santiago do Chile e, a partir de 1970, nos Estados Unidos. Assessorou programas de reforma agrária em quase duas dezenas de países da América Latina e da África. Anistiado voltou ao Brasil em 1976 e tornou-se professor da Fundação Getulio Vargas, após ter concluído um mestrado em Economia Agrícola na Universidade Cornell. Participou ativamente das lutas contra ditadura militar. Ingressou no Movimento Democrático Brasileiro (MDB) de onde saiu para fundar o Partido dos Trabalhadores, em 1980, após as greves dos Metalúrgicos do ABC paulista, lideradas por Luís Inácio Lula da Silva. Eleito deputado constituinte, em 1986. Dirigente petista, membro da coordenação da campanha Lula à presidência em 1989, Plínio foi o principal formulador da política agrária do partido por muitos anos. Foi líder da agremiação na Câmara e candidato a governador pelo PT, em 1990. Tornou-se presidente da Associação Brasileira pela Reforma Agrária (ABRA) e um dos mais importantes colaboradores do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). Membro da corrente majoritária do PT, a Articulação, após a eleição de Lula, em 2002, Plínio foi candidato à presidência da legenda em 2005. Em setembro daquele ano, juntamente com cerca de dois mil militantes de todo o país, ele deixa a legenda que ajudou a fundar e filia-se ao Partido Socialismo e Liberdade (PSOL). Em 2006, Plínio sai novamente candidato ao governo de São Paulo. Hoje quando completa 80 anos é o mais lúcido candidato a Presidência da Republica.

Plínio apresenta nessa campanha um novo projeto para o Brasil, voltado à erradicação dos latifúndios através da efetivação de uma Reforma Agrária que privilegie a soberania alimentar de todo a população do Brasil. Essa admirável trajetória desse comunista que acredita em Deus, é o principal instrumento de mobilização de sua campanha.

Parabéns Camarada Plínio. Presidente do BRASIL!

Vida Longa a PÍNIO!...

Feliz Aniversário!

Nenhum comentário:

Postar um comentário